sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

NIGHT MOVIES


"Night Moves" de Arthur Penn é um dos grandes filmes americanos dos anos 70.


1975 - Arthur Penn é um diretor muito interessante, ele fez dois dos filmes americanos mais marcantes da década de 1960, "Mickey One" e "Bonnie e Clyde". O primeiro, inexplicavelmente, desapareceu na obscuridade, o último é (muito justamente) aclamado como um clássico."Night Moves" incorpora todas as coisas que eu amo sobre o cinema americano dos anos 70. É uma bem sucedida homenagem ao filme Noir, mas é muito mais do que isso. Gene Hackman em um desempenho fantástico, como em "Scarecrow", outra jóia da década negligenciada, está no seu melhor. O elenco de atores coadjuvante também são excelentes, Susan Clark, Jennifer Warren, James Woods e Melanie Griffith, linda, novinha em folha antes das plásticas que a deixaram deformada. "Night Moves" é um dos grandes filmes americanos dos anos 70.

O Título no Brasil é Um Lance no Escuro, não tenho certeza se é esse, não me lembro. Meu DVD é americano. Acho que o filme não foi lançado aqui em DVD.




CENTERFOLD




quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

MIL MILHAS


1956 - A Rádio Pan-Americana, a TV Record e o Centauro Moto Club levaram a efeito, das 19 horas de sábado, 24 de novembro, às 11 horas e 16 minutos de domingo, 25, a maior prova automobilística dos últimos tempos, no Brasil.

Perante cêrca de 30.000 espectadores, alguns dos quais passaram em Interlagos o tempo todo que durou a corrida. Catarino Andreatta e Breno Fornari, gaúchos, em um Ford adaptado, lograram magnífico triunfo, suplantando a 33 outros concorrentes à prova.

Em segundo lugar entrou a dupla paulista Eugenio Martins e Christian Heins, em um minúsculo Volkswagen. É bom que se diga, porém, que o Volkswagen utilizado pela dupla paulista estava envenenadíssimo, de nenhuma maneira podendo-se classificá-lo de "normal", porém isso, em maneira alguma desmerece a soberba atuação dêstes dois rapazes, já que todos os carros participantes estavam "envenenadíssimos".

Aristides Bertuol, em dupla com Valdir Rebeschini, levou seu Chevrolet ao terceiro lugar. Em quarto lugar entraram Euclides Bastos e Germano Shooyal, dupla do Paraná, e em quinto Cláudio Daniel Rodrigues e Luciano Bonini, de São Paulo.


terça-feira, 27 de janeiro de 2015

LOVE, DEVOTION AND SURRENDER



1973 - In 1973, Carlos Santana had become mesmerized by the music of the Mahavishnu Orchestra. His interest became so strong that he literally followed the band on tour across America. He and McLaughlin became friendly. One night John McLaughlin had a dream that the two should record an album together. He took that dream to Clive Davis, the head of Columbia Records, and Love, Devotion and Surrender was born.

The album was inspired by the teachings of Sri Chinmoy and intended as a tribute to John Coltrane. A true career highlight for both Santana and McLaughlin.



Track Listing: A Love Supreme; Naima; The Life Devine; Let Us Go Into The House of The Lord; Meditation

Personnel: John McLaughlin- guitar, piano; Carlos Santana- guitar; Larry Young- organ; Armando Peraza- congas; Billy Cobham- drums; Don Alias- drums; Jan Hammer- drums; Doug Rauch- bass; Mike Shrieve- drums







segunda-feira, 26 de janeiro de 2015