domingo, 11 de junho de 2017

MERCEDES 1 E 2, FERRARI NOCAUTE




A briga pela vitória no GP do Canadá terminou na curva 1. Seb vacilou na largada e tomou do Bottas por dentro e do Max por fora.

Mesmo que não tivesse ocorrido o toque e a quebra do spoiler, o estrago já estava feito...era naquela altura o quarto colocado. Dificilmente conseguiria superar a Mercedes do Bottas, os carros alemães dominaram o fim de semana e o motor fez a diferença no traçado canadense.

Lewis tomou a ponta, e só administrava, com Max em segundo, sem possibilidades de atacar a Mercedes que ia a sua frente, e com grandes chances de ser superado pela que vinha atrás. Se não quebrasse terminaria em terceiro no lugar do Ricciardo. Com Bottas assumindo a segunda posição, acabou, eram 1 e 2 e só levaram os bebes para casa. Um passeio da Mercedes no Canadá.

A Mercedes mostrou sua força já no sábado, com Lewis fazendo a pole e Bottas mesmo sem conseguir uma boa volta foi terceiro. O normal seria as duas Mercedes na primeira fila. Restava para a Ferrari tentar reduzir o prejuízo na corrida, mas a desastrada largada do Vettel arruinou tudo.

Vettel tem o mesmo problema do Lewis, quando as coisas não saem 100% eles tendem a cometer erros.

Tem muito chão pela frente, mas o resultado foi uma injeção de ânimo para a Mercedes.





2 comentários:

Carlos disse...

Parecendo jogo de xadrez este campeonato.

Brazil disse...

Eu estou achando excelente até agora, o melhor dos últimos anos. Briga entre duas grandes equipes. Campeonato de nível altíssimo. Pilotos top, a largada do Max foi coisa de cinema. abrçs