segunda-feira, 31 de outubro de 2016

DANDO SOPA PRO AZAR

Lewis não levou vantagem cortando a gincana! (sic)

Nico Rosberg mais uma vez vacilou na largada e permitiu o mergulho de uma RBR. Já tinha cometido o mesmo erro em Austin, quando preocupado em fazer a primeira curva atrás de seu companheiro foi para a direita deixando uma avenida para Ricciardo mergulhar. No México, depois de despachar as RBR na largada usando toda a cavalaria da Mercedes, na aproximação da guincana foi para o lado esquerdo da pista deixando espaço para Max mergulhar na freada.

Deu sopa para o azar, porque dessa vez quem tentou foi a RBR do abusado Max, se tocaram e por pouco os dois carros não ficaram fora da prova. Hamilton vencendo e ele abandonando adeus título!

Lewis Hamilton com problemas no freio (conta outra, porque essa não cola!) passou reto na guincana levando vantagem e nem se quer foi investigado (ainda é o queridinho da turma). Emerson Fittipaldi já cantava a bola antes da largada, entrevistado pela Globo, disse que seria problema no final da reta, porque a freada é violenta com os freios frio.

Pra mim, lá tinha que ser brita, não grama, errou tá fora. Daniel Ricciardo comentou isso na semana passada, tem muito piloto errando e levando vantagem por causa das áreas de escape, pedia muro. Concordo com ele, se tivesse um muro lá, Lewis perdia a corrida, em vez de levar vantagem.

Lewis venceu mais uma (essa foi mais fácil do que empurrar bêbado em ladeira), e Rosberg sentindo a pressão de ser (quase) campeão, não está pilotando 100%. Vai ter muito sofrimento nas duas provas que faltam. Precisa acelerar, tem carro para andar lá na frente e despachar as RBR, desta vez deu muita sorte, uma hora a sorte acaba!

Daniel Ricciardo merece o apelido de "Cirurgião", na tentativa de ultrapassagem sobre Vettel, assino embaixo do comentário do Luciano Burti "mandou muito bem". As ultrapassagens dele são precisas e cirúrgicas, só não teve exito porque o Vettel forçou pra cima.

Próxima prova no Brasil com aquele complicado "S" que costuma sempre dar confusão na largada. Atenção Rosberg!

PS: Torcida mexicana era toda do Rosberg. Nico, Nico, Nico! Adoro quando a Ferrari está em crise, mostra o lado humano da Fórmula 1. Vida longa para a Ferrari!



Nenhum comentário: