quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

OUTRO SURTEES

Emerson, Wilsinho (preocupado) e Ricardo Divilla


1975 - Uma das preocupações de Wilsinho, com relação à sua maneira rígida de dirigir a equipe durante a construção do Copersucar era desassociar-se de qualquer tarefa de comando, assim que o carro estivesse pronto.

Seu medo era transformar-se, sem perceber, num tipo como John Surtees, conhecido na Fórmula 1 como o homem que gosta de fazer tudo sozinho, caracterizando o anti-profissionalismo que sempre provocou uma total desorganização em sua equipe.

Tendo consciência que isso seria prejudicial, Wilsinho procurou se desligar cada vez mais das tarefas de comando dando autoridade e autonomia de decisão a Ricardo Divilla, Jo Ramirez e Yoshiatsu Itoh.

"Quero ser apenas piloto. Cada dia perco mais direitos dentro da equipe e hoje dou apenas palpites sem qualquer voz ativa nas decisões. Os três podem fazer o que quiserem. Despedir, contratar, modificar qualquer esquema. Essa é a única forma de tentar ser um bom piloto. Super Homens só existem nos gibis. Cada vez mais vou procurar executar um ritual que tenho na cabeça: ao final de cada treino quando sair do carro, falo os defeitos a eles e tchau, vou dormir...Não quero saber se eles vão passar a noite trabalhando ou se não vão fazer nada. Estarei tranquilo porque sei que eles tem responsabilidades e colocarão o carro na pista no dia seguinte, nas melhores condições possíveis".






Nenhum comentário: