domingo, 9 de outubro de 2016

PANELA DE PRESSÃO



A Ferrari enfrenta uma crise séria neste final de temporada. Pilotos com os nervos à flor da pele, atrás de um bom resultado nas corridas. Dirigentes desesperados com uma corda no pescoço. Estrategistas tentando soluções mirabolantes para tentar minimizar o baixo rendimento dos carros. Os tifosis e a imprensa italiana, cansados dos maus resultados, vem descendo o cacete em todo mundo. Tudo isso só complica mais a má fase do time.

O problema da Ferrari não esta nos pilotos ou dirigentes. O problema é que o carro é ruim. Não adianta trocar piloto, dirigente, se o projeto do carro não é bom. Além disso, eles sofreram muito com problemas mecânicos como trocas de motores e de câmbio.

Estão em terceiro lugar no Mundial com 335 pontos, perdendo para a Red Bull que tem 385 e essa diferença deve aumentar. No Mundial de pilotos Ricciardo na frente do Kimi e Vettel empatado com o Max, 165 pontos, só 5 pontos atrás do Kimi.

Final do ano vai ter uma faxina geral. Se até lá a coisa não explodir.




Nenhum comentário: